Saltar para a informação do produto
1 de 1

Cinema Português

Cinema Português

Ano Gulbenkian

António Roma Torres

PROMOÇÃO 10% ESGOTADO

A presente publicação resulta da ordenação de alguns trabalhos publicados pelo autor na página Tela e Palco de «O Comércio do Porto» e no semanário «Voz Portucalense» e de outros inéditos. Embora cuidando-se a adaptação não se puderam evitar repetições e redundâncias, que só a refundição total permitiria sanar. Trata-se de um trabalho que se pretende de introdução e divulgação e não da investigação critica de um profissional, que o autor não é pois reparte estas ocasionais actividades jornalísticas com o exercício regular de outra profissão.

(Em Nota Prévia)

Ano de edição: 1974

Páginas: 104

Coleção: Zero

Nº de coleção: 6

Dimensões: 11,5 x 18,5 cm

Encadernação: Brochado

Ver detalhes completos

António Roma Torres

Médico Psiquiatra, Diretor da Clínica de Psiquiatria e Saúde Mental do Centro Hospitalar São João (Porto).
Membro co-fundador da Sociedade Portuguesa de Psicodrama e da Federation of European Psychodrama Trainig Organizations (FEPTO).
Membro eleito do Board of Directors (2001-2009) da Internacional Association for Group Psychotherapy and Group Processes (IAGP).
Crítico de cinema do Jornal de Notícias (1975-2001), do semanário Voz Portucalense (1971-1974) e da revista de cinema A Grande Ilusão (1984-1996).
Autor dos livros Cinema Português, Ano Gulbenkian (1974), Cinema, Arte e Ideologia (Edições Afrontamento, 1975), Cinema Saúde Doença (Org., 2010) e, nesta coleção, O Rei da Áustria (2014) e Novo Céu (2014).