Saltar para a informação do produto
1 de 1

A Décima Terceira Ilha

A Décima Terceira Ilha

Eduarda Chiote

PVP
Preço normal €3,64 EUR
Preço normal €4,04 EUR Preço de saldo €3,64 EUR
PROMOÇÃO 10% ESGOTADO

 

Ano de edição: 1983

Páginas: 112

Coleção: Fixões

Dimensões: 14,5 x 20,7 cm

Encadernação: Brochado

ISBN: 978-972-36-0105-3

Ver detalhes completos

Eduarda Chiote

De formação filosófica, Eduarda Chiote trabalhou em áreas diversificadas: psicologia industrial, cinema, literatura. Gosta de ideias claras, belas e desafiantes e encara a escrita como um vício. Estreou-se nesta em 75 com «Esquemas» (poesia), a que se seguiram "Estilhaços" (fragmento poético incluído na «Nova Poesia Portuguesa I») e «Travelling» (em parceria com Helga Moreira). A partir de «A Décima Terceira Ilha» (ficção) - "um texto inteligente porque nele a vida pouco colhe de sonho. A sua violência encontra-se na subjacente aspiração ao real verdadeiro a esse mito «As crianças não escolhem, dizem tudo»" (Ana Hatherly, Colóquio) -, opta pela poesia e publica mais seis livros: «Altas Voam Pombas», «A Preços de Ocasião», «Branca Morte», «A Celebração do Pó», «Não me Morras» e «O Meu Lugar à Mesa» (Prémio Teixeira de Pascoaes). Regressa à ficção com «Não É Preciso Gritar» com a mesma violência onde "se precipita o amor e o desencontro". No prelo, a ser publicado ainda em 2008, está «Poesia Completa», incluindo um livro inédito, "Mater".

Da mesma coleção