Saltar para a informação do produto
1 de 1

Emergência e Consolidação dos Economistas em Portugal

Emergência e Consolidação dos Economistas em Portugal

Carlos Manuel Gonçalves

PVP
Preço normal €19,99 EUR
Preço normal €22,21 EUR Preço de saldo €19,99 EUR
PROMOÇÃO 10% ESGOTADO
O presente livro é o produto de um trabalho de investigação no âmbito da sociologia que pretendeu equacionar uma interrogação principal: como se desenvolveu a construção social da profissão de economista em Portugal no decorrer do século XX?
Procura demonstrar-se como a emergência e consolidação da profissão tem sido resultante da conjugação de processos sociais específicos: a dinâmica económica; a expansão e diversificação das actividades estatais; a consolidação da ciência económica no campo científico; a constituição e sedimentação do ensino universitário da economia; a produção, circulação e apropriação dos conhecimentos económicos; a criação e divulgação do título e das definições da profissão; o trabalho social e político desenvolvido pelas instâncias de representação política dos economistas, com o objectivo de conquista de privilégios materiais e simbólicos; a acção do Estado.
A partir da análise de uma profissão, em termos sócio-históricos, pretende-se com a publicação desta obra contribuir para a reflexão sobre as dinâmicas e configurações que caracterizam os grupos profissionais no nosso país.

Carlos Manuel Gonçalves é sociólogo, professor do Departamento de Sociologia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto e investigador do Instituto de Sociologia da mesma instituição.



Ano de edição: 2006

Páginas: 496

Coleção: Biblioteca das Ciências Sociais | Sociologia, Epistemologia

Dimensões: 16,1 x 23,7 cm

Encadernação: Brochado

ISBN: 978-972-36-0820-5

Ver detalhes completos

Da mesma coleção