Saltar para a informação do produto
1 de 1

O Tráfico de Escravos nos Portos de Moçambique

O Tráfico de Escravos nos Portos de Moçambique

José Capela

PROMOÇÃO 10% ESGOTADO

Dando continuidade a um trabalho iniciado nos anos 70, José Capela procura desenhar nesta obra o que foi a exportação sistemática de escravos a partir de 1733 até aos primeiros anos do século XX. A variedade dos agentes que dinamizaram este tipo de comércio, a disparidade e a envergadura dos meios utilizados, o espaço físico quase universal ocupado por tal actividade, a intervenção política, económica e social que representou, põem-nos face à imagem apocalíptica da manipulação sem dó nem piedade de uma parte da humanidade por e a favor de outra parte. Desta obra constam nomes e qualidade de quem o fez, as condições e a economia do negócio e os seus efeitos globais no território e nas sociedades.

Ano de edição: 2002

Páginas: 384

Coleção: As Armas e os Varões

Dimensões: 16,8 x 23,9 cm

Encadernação: Brochado

ISBN: 978-972-36-0600-3

Ver detalhes completos

José Capela

José Capela nasceu a 25 de março de 1932, em Arrifana, concelho da Feira, e morreu no Porto em 2014. Em 1954 concluiu o curso de Teologia no Seminário Maior do Porto. Chefe de redação do jornal Diário de Moçambique desde 1956, passou em agosto de 1959 a diretor-adjunto do mesmo jornal. Em junho de 1962 lançou na Beira o jornal Voz Africana e no ano seguinte fundou em Lourenço Marques a revista Economia de Moçambique. Participou em janeiro de 1970 na fundação do jornal Voz Portucalense, no Porto, onde foi editor.
De 1978 a 1996 foi Adido Cultural na Embaixada de Portugal no Maputo. Referência segura e indispensável quando se trate da História de Moçambique, seja no período pré-colonial, seja nos que se lhe seguiram, principalmente no que diz respeito ao século XX. Foi investigador no Centro de Estudos Africanos da Faculdade de Letras da Universidade do Porto.

Da mesma coleção