Saltar para a informação do produto
1 de 1

Madison e Outros Lugares

Madison e Outros Lugares

Boaventura de Sousa Santos

PVP
Preço normal €4,10 EUR
Preço normal €4,55 EUR Preço de saldo €4,10 EUR
PROMOÇÃO 10% ESGOTADO

Por detrás do nome Boaventura de Sousa esconde-se/desvenda-se um outro Boaventura de Sousa Santos, o sociólogo. Não é a sua primeira incursão no campo da poesia, havendo quem considere estas suas duas facetas perfeitamente complementares.

Ano de edição: 1989

Páginas: 64

Coleção: Poesia

Dimensões: 12,5 x 24 cm

Encadernação: Brochado

ISBN: 978-972-36-0225-8

Ver detalhes completos

Boaventura de Sousa Santos

Professor catedrático na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, nascido em 1940, em Coimbra, é Diretor do Centro de Estudos Sociais (C.E.S.) e da sua revista, a Revista Crítica de Ciências Sociais.
Tem-se debruçado sobre as questões da cidadania, dos modos de produção de poder social, da análise da sociedade portuguesa e da globalização. A crise do modelo civilizacional com um todo, ou, para utilizar as suas palavras, do paradigma da modernidade, é analisada por Boaventura de Sousa Santos nas suas várias dimensões: epistemológica (Um Discurso Sobre as Ciências, 1988 ou Introdução a uma Ciência Pós-Moderna, 1989), política e cultural (Pela Mão de Alice. O Social e o Político na Pós-Modernidade, 1994).
Analisando a sociedade portuguesa, posiciona Portugal naquilo a que chama semiperiferia do sistema mundial.
Debruçando-se sobre as ciências, delineou o paradigma emergente, que será não apenas um paradigma científico mas também um paradigma social, já que surge numa sociedade ela própria revolucionada pela ciência (Um Discurso Sobre as Ciências, 1988).
Em 2001 ganhou o prémio o prestigiado prémio de Ciências Humanas e Educação do Brasil, Jabuti 2001, com a sua obra A Crítica da Razão Indolente: Contra o Desperdício da Experiência.
De salientar que Boaventura de Sousa Santos é o autor do primeiro estudo aturado sobre o sistema judicial português.

Da mesma coleção